Gravitation

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Gravitation

Mensagem por sweetsarcasm em Qui 11 Fev - 8:08



Titulo: Gravitation
Género: Shounen-ai, Musical, Drama, Comédia
Número de Episódios: 13 + 2 OVA
Sumário (Baseado no Anime News Network): Shuichi Shindou quer formar uma banda famosa. Com o seu amigo Hiroshi Nakano, ele trabalha na sua banda na esperança de, um dia, cativar o público sem pensar em mais nada a não ser as suas ambições musicais. Numa noite, á medida que Shuichi escreve uma letra de música, o seu papel é levado pelo vento e um desconhecido apanha-o. Este homem é Eiri Yuki, um famoso escritor romancista que considera as letras de Shuichi péssimas. A partir daí, Shuichi vê-se determinado a encontrar Yuki para o fazer explicar o motivo da sua hostilidade...o que ele não sabe, é que acabou por apaixonar-se á primeira vista. Quando finalmente encontra Yuki, Shuichi depara-se com uma série de de obstáculos, situações temerosas e um passado assombroso que visa afastá-los. Contudo, a gravidade do amor prova ser mais forte que tudo isso, trabalhando para manter os dois juntos apesar de tudo.

Critica Pessoal: "Gravitation" foi o meu primeiro anime yaoi e, provavelmente, o primeiro de muito boa gente. Contráriamente ao manga, não temos altos e baixos no desenho e de coerência de situações. A arte é satifatória (é quase shoujo), o enredo é simples. Tão, de facto, que creio que, se não fosse um anime shounen-ai, de certeza que as crianças poderiam ver, especialmente porque tem situações de romance heterossexual. É uma história bonita, com comédia quanto baste e com romance suficiente de modo a conseguirmos acompanhar o desenvolvimento dos personagens e da relação Yuki/Shuichi.
O Shuichi é daqueles personagens que raramente se encontram: é positivo, extravagante, barulhento, aparentemente imortal que simplesmente não consegue ouvir um não e que não sabe o que significa a palavra"desistir". Por ser tão persistente, acabamos por gostar dele e por ter uma certa pena daquela cabecinha, que podia evitar muito drama e muito sofrimento. Contudo, claro que é graças ao feitio dele que o par deste anime conseguiu ser um dos mais famosos do mundo Yaoi.
Yuki é muito mais sério no anime do que é no manga, mas também muito mais soft nos cantinhos mais escondidos. Enquanto que no manga ele aparece como um playboy engatatão, no anime é quase como se ele não quisesse saber de mulheres, ou homens, ou seja que tipo de coisa for que tenha a ver com envolvimento emocional com alguém. Quando se envolve com o Shuichi, dá a sensação que ele é levemente atraído por ele e que, simultâneamente, lhe está agradecido, por isso quase que o Shuichi aparece como sendo um "alivio sexual ocasional". "Queres-me, eu quero sexo, vamos fazê-lo". Talvez isto seja a repercussão de quem lê o manga, mas seja como for, foi a ideia inicial que eu tive.
O drama do Yuki proporciona uns momentos bastante dolorosos para o espectador, especialmente porque o Shuichi sofre com as acções dele. Ficamos impotentes a pensar "porque é que o Yuki não se deixa ser feliz?".
Seja como for, não é tão pesado ao ponto de nos pôr a chorar, mas isso depende de pessoa para pessoa.
Os restantes personagens estão bem retratados, as vozes estão bastante boas, e a banda sonora pode não ser perfeita, mas é variada e as músicas são bastante chamativas, por isso ficam logo no ouvido, o que é dizer muito. Mad Soldiers foi uma escolha perfeita para representar os "Bad Luck" a banda do Shuichi, mas Iceman (julgo que é o nome da banda) foi um pouco decepcionante para os "Nittle Grasper", banda do Ídolo dele, Ryuuichi Sakuma. As músicas são relativamente boas, mas o trabalho vocal deixa muito a desejar.
Gravitation ainda é dos meus animes preferidos apesar de ser tão simples. Mostra que o amor não tem sexo e que nem sempre as coisas são perfeitas quando estamos apaixonados. Mais do que isso, mostra que o verdadeiro amor só se demonstra e só se conserva através de muito trabalho e de muito esforço, e ainda hoje penso nisso com carinho. Se toda a gente se esforçasse assim perante as adversidades das relações interpessoais, o mundo seria um local melhor, as pessoas teriam muito mais confiança umas nas outras e, certamente, não haveriam tantos divorcios por motivos absurdos como há.
avatar
sweetsarcasm

Feminino
Câncer Dragão
Número de Mensagens : 236

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum